.as minhas fotos

.links

.pesquisar

 

.o mesmo eu

a diferença em mim vista por vós, é a mesma por mim vista em vós.

.Outubro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.Fazer olhinhos

Segunda-feira, 23 de Outubro de 2006

Quando estás longe

Humedeço nos lábios os sonhos acordados na noite quente.
Molho-os no desejo que trago na língua de uma boca que arde sem ti
E guardo nas cartas de amor que chegam frias ao meu peito o desmaio
do pombo que voou na nossa sede que adormece com a gaiola aberta
Assim estivesse o meu corpo, meu amor
Assim estivesse o meu corpo, meu amor
aberto, cárcere de ti no curso dos voos.
 Ana Mª Costa

escrito por A.fe às 13:04

link do post | não sejas tímido | favorito
|

3 comentários:
De Betty a 24 de Outubro de 2006 às 00:34
Querida Ana

Sempre a tua magnífica poesia - com cantos e recantos de autêntica magia.

Beijinhos
BoaSemana


De auréllio a 24 de Outubro de 2006 às 22:36
bom, quando o amor pega não tem volta só nos resta nos entregar nesse mar sem fim..... belo post e até mais.....


De Menina_marota a 25 de Outubro de 2006 às 13:46
O amor comanda a Vida...
Lindo momento este!
Beijinho ;)


Comentar post

blogs SAPO
a diferença em mim vista por vós, é a mesma por mim vista em vós.