.as minhas fotos

.links

.pesquisar

 

.o mesmo eu

a diferença em mim vista por vós, é a mesma por mim vista em vós.

.Outubro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.Fazer olhinhos

Segunda-feira, 30 de Janeiro de 2006

A feira

Gosto de comprar ovos, grelos e chouriças
na feira.
balanço a cesta com as letras
frescas, verdes e cheirosas
que saem das goelas do meu povo!

Ana Mª Costa


escrito por A.fe às 11:02

link do post | não sejas tímido | favorito
|

24 comentários:
De Anónimo a 11 de Fevereiro de 2006 às 15:49
Oi!
To aki pra t convida pro meu concurso!!:
http://concurso-green-fairy.zip.net (http://concurso-green-fairy.zip.net)Paulinha
(http://concurso-green-fairy.zip.net)
(mailto:)


De Anónimo a 4 de Fevereiro de 2006 às 23:01
É fácil adquirir-se no mercado da literatura os igredientes necessários para escrevinhar as letras, criando a magia das palavras e com elas dar-lhes sentido e alma. Dificil é fazer a salada de letras, com tempero e conteúdo. Tarefa árdua será sem dúvida conceder o gosto especial para refinados comensais quee procuram na salada da poesia o tónico que alivie a sua fome emocional. A poesia é um encanto e um deslumbramento, quando dá vida ás letras e estimula as emoções de quem realmente sente com sentimento. Muitas felicidades para a Ana Maria e a sua altiva Voz que não se cala.
[Dominio dos Anjos]HumbertotheWizard
(http://CeudosAnjos.Blogs.Sapo.pt)
(mailto:HumbertotheWizard@Hotmail.Com)


De Anónimo a 4 de Fevereiro de 2006 às 10:28
Essa descrião fez-me lembrar as feiras medievais quando existiam assim imensas coisas ... Agora ja nao se pode fazer isso ...

Beijo *Ragazza & Ragazzo
(http://www.xuaninhah.blogspot.com)
(mailto:joaninha_lou@hotmail.com)


De Anónimo a 3 de Fevereiro de 2006 às 15:22
Nada como sentir a frescura das tuas palavras, beijinhos e bom fim de semana*NIGHT
(http://www.night8wolf.blogspot.com)
(mailto:nightwolf_does_it@hotmail.com)


De Anónimo a 3 de Fevereiro de 2006 às 06:33
Mais um poema lindo... parabéns Ana, por conseguires traduzir em tão poucas palavras, algo com tanto significado. Beijinhos e bom fim-de-semana. *****eternapartedemim
(http://eternapartedemim.blogs.sapo.pt)
(mailto:lucosta@netvisao.pt)


De Anónimo a 2 de Fevereiro de 2006 às 14:03
Ana: Mais uma vez vc consegue, em poucas palavras, dizer coisas bonitas e eficientes. Olha, respondendo uma pergunta sua, na minha penúltima postagem. Gosto mais de fazer ficção e escrever sobre cinema. Além disso não tenho o talento necessário para a poesia. No entanto, há mais de 20 anos andei experimentando a poesia. E um dos poemas, o melhorzinho, chegou a ser publicado numa revita fora da minha cidade e num jornal local. Em atenção a você, vou publicá-lo no meu blog, no domingo próximo. Mas não espere grande coisa. Um beijo.Francisco Sobreira
(http://luzesdacidade.blogspot.com)
(mailto:)


De Anónimo a 2 de Fevereiro de 2006 às 13:57
Cheira-me a tradição e ao conforto aconchegante dos tempos antigos... =)
Beijolaranjinha_
(http://laranjinha_.blogspot.com)
(mailto:marisaasfernandes@hotmail.com)


De Anónimo a 2 de Fevereiro de 2006 às 13:33
É na boca de um povo que os cheiros se misturam ,os sabores se enlaçam, e as palavras saiem em rima saudosa, de um fado que um dia ainda poderá vir a ser cantado. beijo adorei esta viagem que nos propusestes.Ana Luar
(http://aromademulher.blogs.sapo.pt/)
(mailto:luar_zita@msn.com)


De Anónimo a 1 de Fevereiro de 2006 às 22:05
Olá!!
Gostei muito do "pouco" que li!! Heheh!
O que o pouco poderá dizer muito...
E é isso, coisas frescas cá da terra é que são boas!!
Beijinhos

:)Natalie
(http://a-minha-teia.blogspot.com)
(mailto:natalie_afonseca@sapo.pt)


De Anónimo a 1 de Fevereiro de 2006 às 22:05
Olá!!
Gostei muito do "pouco" que li!! Heheh!
O que o pouco poderá dizer muito...
E é isso, coisas frescas cá da terra é que são boas!!
Beijinhos

:)Natalie
(http://a-minha-teia.blogspot.com)
(mailto:natalie_afonseca@sapo.pt)


Comentar post

blogs SAPO
a diferença em mim vista por vós, é a mesma por mim vista em vós.